segunda-feira, 18 de julho de 2011

Fala de criança

Fazia tempo que andava querendo falar daquele jeitinho fofo de pronunciar as palavras, que toda criança tem. Sophia também, claro. Mas ela está deixando esta fase tão rápido, que fico até triste. Fica uma saudade desde já, da criancinha/bebê que ela está deixando de ser.
Claro que toda idade tem seu encanto, ela está falando coisas abstratas também, que me deixam impressionada. Tem um vocabulário super legal (em dois idiomas! no alemão fala coisas como "saboroso", "relaxar" e "impaciente") e uma memória excelente (ela se lembra de palavras como para-brisa - ainda que diga "pala-bliso", pois é meio cebolinha), ouve uma palavra uma única vez e não esquece!
Mas são essas palavrinhas que acabam ficando na memória familiar, né?
Lembro até hoje da minha irmã falando "capedral", para falar da Catedral, do meu irmão nos acordando de manhã com um repertório todo particular: "Acoldem, já "desamanheceu", a, b,c, d, h, s, bang, bang Lucky Luke!!", do meu priminho chamando minha princesa de "Suafia" (em vez de Sophia), da minha prima falando que as coisas eram "babibosas" (perigosas), entre outras pérolas familiares. Então fico já agora sentindo saudade das pérolas de Sophia...

Mas enfim, como este blog também tem como intuito ser um pequeno compêndio da infância das minhas duas meninas (para elas poderem ler mais tarde), queria registrar aqui algumas palavras bonitinhas (e expressões típicas) que Sophia (ainda) diz de forma engraçadinha:
- bandarina (bailarina)
- astustar (assustar)
- macurujá (maracujá)
- kleinkind (arlequim, que é o bonequinho, companheiro fiel das horas de dormir. Interessante é que kleinkind significa criancinha em alemão, bonitinho, né?)
- pomacha (borracha)
- adunto (adulto)

Influências do alemão:
- manga de suco (suco de manga, construção frasal alemã, mas agora ela já fala certinho)
- posso te fazer bonita? (posso te arrumar, em tradução do alemão ao pé da letra)
- fala "sim" o tempo todo, em vez de responder com o verbo com o qual uma pergunta foi feita. Tipo: Você quer macarrão? Você vai pra escolinha? Você tá com sede? Você viu a galinha? Para tudo isso a Sophia sempre responde "sim", quando um brasileiro tenderia a responder: "quero", "vou", "tô" e "vi".
- colocar o verbo no final da frase (de novo, repetindo a formação de frase típica do alemão): mamãe, posso ainda o do macaco "astistir" (posso assistir o (desenho) do macaco)?
- confundir o ser/estar: onde é a Helena?
- traduções literais do alemão como "flor do sol" (girassol), "médico do dente" (dentista), "pano de mão" (toalha), entre outras...

Expressões típicas dela:
- Tive uma ótima ideia!
e quando a ideia não foi tão boa assim:
- esta é uma péssima ótima ideia :-) (mas já está falando certo aqui também...)

Bem, como nem todos são linguistas vou parando por aqui, para ninguém se entendiar: uma ótima ideia, não? :-)

11 comentários:

Alessandra disse...

Aiiiii, sabe que essas palavrinhas erradas são uma das minhas coisas favoritas!
E a Glorinha este ano, finalmente aos quase cinco anos e meio agora já fala 95% "certo". Até uns 40 dias atrás, ainda era beeem cebolinha, mas a pedido da escola, começamos a salientar o "R" vibrante de barata. Mesmo porque trocaram de professora na escola e atual se chama "Mara" :-) Pensa que graça, ela me apresentando a profa nova: "Mala". Enfim, essas pérolas são uma gostosura. Ontem mesmo ficamos procurando videozinhos antigos dela para ela se ouvir quando criancinha (e aliviar o ciúmes um pouco... já que todo mundo agora anda se derretendo para as primeiras palavras da Alice).
Uma curiosidade: a GLorinha respondia "Sim" também... e com "m" fechadinho no final. Era muito fofa de ver e ouvir!
Big beijo!

Camilla Brandel disse...

Foi uma péssima ótima ideia essa de "parar por aqui". Eu estava gostando muito! :)
E acho que o prêmio da criatividade ainda vai pro Guinho, com a sua pequena frase de acordar, hehehe. Também nunca esqueço.
Beijo!

Kathe disse...

Concordo com a Lica !! Foi uma pessima ideia parar, nao tem como se entediar com essas Perolas, e para quem nao se lembra, tambem tenho algumas de autoria da mae da Sophia: Rabisabonete ( rabanete ) Indo indo ata pe ( alguma coisa linda ).
Da Lica : a ja famosa Capedral, e principalmente a lembranca dos calcados arremessados para fora do carro, qunatas vezes chegamos a algum lugar com apenas um pe de sapato...
E do Guinho, alem da famosa frase, ainda tinha o Apaga lusa... para acender....
Enfim, como diria Sophia, otimas lembrancas...

Angi disse...

Karen!
Acabei de deixar um recadinho no post do pinhão, que delícia, eu amo!rs
E adorei as palavrinhas da Sophia!
Bjs

Rodrigo disse...

Oi Taia é um maximo, essa fase mesmo, a Giovanna está falando quase perfeito vc acredita...o nome da Helena ela fala certinho. Agora ele tem uma nova mania, passar batom rsrsrsr e pintar as unhas, é que na escolinha tem o dia do salao.E as roupinhas que mandei, está dando pra usar algumas....a Moca falou daquela toda verde de babado,quero ver....um grande beijo

Alessandra disse...

Concordo com a Lica, foi uma péssima ótima idéia parar com a listinha! (Amei essa!)

Coloca mais, coloca mais!

Flavia disse...

a descoberta da fala é diversão garantida... e quando é em dois idiomas ainda mais.

adorei o macuruja... risos

beijos

Flavia disse...

pode copiar, sim! Claro!
mas prepare-se fazer o video ainda é mais emocionante. ;)

bjs

umpresentededeusgiovanna disse...

Taia a pedido de muitos parentes e amigos que naum viram a Giovanna tbm fiz um blog da sua afilha www.umpresentededeusgiovanna.blogspot.com
Bjosss

Brasileiro na Alemanha disse...

haha, muito bom. :)

Regina disse...

"indo, indo ata péeeee!!!" Que péssima ótima ideia a sua de parar hen! Sei não, acho que isso vai virar mais um jargão familiar.....hehehe.